Brasil enfrenta Argentina pelas eliminatórias no Mineirão nesta quinta-feira

Gaucha /GE

Enquanto o Brasil vem de quatro vitórias sob o comando de Tite, saltando de sexto para a liderança das Eliminatórias, a Argentina treinada por Edgardo Bauza caiu justamente do topo para a sexta posição após um triunfo, dois empates e uma derrota.

 Apesar do momento melhor, o técnico da Seleção Brasileira fez questão de espantar o favoritismo para o confronto da noite desta quinta-feira, no Mineirão.

– Quatro jogos é muito pouco para falar de uma caminhada longa. É um bom começo, mas é pouco para se ter uma análise melhor. Temos o desafio de repetir o padrão de atuação dos outros jogos – disse.

Questionado se o clássico contra a Argentina é seu jogo mais difícil à frente da Seleção, Tite foi direto:

– Sim, é o jogo mais importante.

Embora reconheça a importância técnica dos craques Messi e Neymar, Tite destacou a importância do jogo coletivo para que as individualidades funcionem:

– Craque não se neutraliza. Não se para Leo Messi, assim como não se para Neymar. É possível diminuir ações, movimentações. O que vou fazer? Não vou dizer – despistou o técnico, que não fez mistério em relação ao time titular e priorizou as jogadas ensaiadas em seu último treino no Mineirão, ontem.

Tite ainda falou sobre a volta da equipe ao cenário do 7 a 1 para a Alemanha, na Copa de 2014:

– Ninguém sabia que venceríamos quatro jogos antes de estarmos aqui. É da vida, é do jogo, vamos rotular o local? Então não poderíamos mais jogar no Maracanã. Isso é maturidade, temos que encarar.

A Argentina também treinou no Mineirão nesta quarta´feira. Com Pérez no meio, na tentativa de conter Neymar, Bauza disse que o esquema tem a ver com a qualidade do Brasil. Disse esperar um jogo disputado no meio-campo e antecipou que não fará marcação homem a homem no camisa 10 brasileiro. Por fim, afirmou confiar que há possibilidade de vencer fora de casa:

– As equipes de Tite costumam ser muito organizadas, mas a Argentina tem jogadores de alto nível, que têm mostrado força nos momentos difíceis.

Brasil x Argentina



Local: Mineirão, em Belo Horizonte-MG

Data e horário: quinta-feira, às 21h45 (horário de Brasília)

Escalação: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Fernandinho; Paulinho, Renato Augusto, Philippe Coutinho e Neymar; Gabriel Jesus.

Desfalque: Casemiro (lesionado).

Pendurados: Daniel Alves, Miranda, Marcelo, Filipe Luís, Giuliano, Lucas Lima e Douglas Costa.

Arbitragem: Julio Bascuñan (CHI), auxiliado por Christian Schiemann e Marcelo Barraza (CHI).

Transmissão: TV Globo, com Galvão Bueno, Casagrande, Junior e Arnaldo Cezar Coelho; SporTV, com Luiz Carlos Jr, Muricy Ramalho e Maurício Noriega. O GloboEsporte.com também transmite ao vivo, a partir das 20h, e acompanha em Tempo Real.

voltar
© Copyright 2019