Cinco pessoas são mortas por hora com arma de fogo no Brasil

A cada sessenta minutos foram registradas em média cinco mortes por arma de fogo no Brasil em 2012. O número integra o levantamento do Mapa da Violência 2015, que será divulgado nesta quinta-feira pelo governo federal. No total, foram 42,4 mil pessoas mortas a partir de disparo de arma de fogo naquele ano. Esse é o pior resultado de toda a série histórica iniciada em 1980.

Os dados são elaborados a partir de números do Subsistema de Informação sobre Mortalidade, do Ministério da Saúde, que registra as declarações de óbito de todo o país. O levantamento mostra que mais de 40 mil dessas mortes foram por homicídios. As demais causas são acidente (284), suicídio (989) ou indeterminada (1.066). 94% das vítimas são homens.

Esse dado coloca o Brasil na 11ª posição entre 90 países analisados pelo estudo, com 21,9 óbitos para cada 100 mil habitantes. Atrás da Venezuela, Ilhas Virgens, El Salvador, Trinadad e Tobago, Guatemala, Colômbia, Iraque, Bahamas, Belize e Porto Rico.

O Mapa da Violência 2015 – Mortes Matadas por Armas de Fogo é uma parceria da Secretaria-Geral da Presidência da República, da Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) no Brasil e da Faculdade Latino Americana de Ciências Sociais (FLACSO).

voltar
© Copyright 2019