Com gol aos 50 do 2º tempo, Chape vira sobre o Grêmio dentro da Arena

Os mais de 21 mil torcedores que estiveram na Arena na tarde deste domingo (18) acompanharam dois tempos completamente distintos. Na etapa inicial de Grêmio eChapecoense, vitória tricolor por 2 a 0, com direito a gol aos quatro minutos de jogo.

Na segunda metade do jogo, goleada do Verdão do Oeste pelo placar de 3 a 0, com direito a gol no último lance do confronto. Resultado final: 3 a 2 para os catarinenses, de virada, com um a menos em campo e dentro do estádio do clube gaúcho.

Com o resultado, a equipe gaúcha estaciona nos 55 pontos no Campeonato Brasileiro e deixa de terminar a rodada a um ponto de distância do vice-líder Atlético Mineiro, em caso de confirmação de derrota do Galo diante do Sport. Em relação ao quarto colocado, o Santos, a diferença cai para seis pontos.

PRIMEIRO TEMPO

A equipe do técnico Roger entrou em campo em alta velocidade. Logo aos dois minutos de partida, Maicon experimentou de longe e mandou sobre a meta. Aos quatro, Douglas fez a festa da torcida na Arena. O meia bateu bonito da intermediária e venceu o goleiro Sílvio, que se esticou todo, mas não conseguiu impedir o gol gremista.Aos seis minutos, Luan recebeu passe de Giuliano, na ponta esquerda, e, da entrada da área, chutou colocado. Desta vez, o arqueiro da equipe catarinense não teve dificuldades para fazer a defesa.

A resposta da Chapecoense veio dois minutos depois. Após bela jogada de William Barbio e Túlio de Melo, Camilo acertou o pé da trave. Aos dez, Camilo novamente levou perigo à defesa do Grêmio. Pelo alto, ele desviou de cabeça cruzamento da direita e a bola passou ao lado da meta tricolor.

Bobô, aos 13, livre de marcação, arriscou de canhota, direto pela linha de fundo. Quatro minutos depois, o centroavante tricolor tentou mais uma vez. Giuliano cruzou, e o camisa 13 por muito pouco não ampliou a vantagem do time gaúcho.

Aos 33, a insistência do atacante foi recompensada. Galhardo descolou cruzamento e, de carrinho, Bobô tocou na saída de Sílvio. No choque com o gremista, o goleiro da Chapecoense se machou e precisou ser substituído por Nivaldo.Já no fim da etapa inicial, Cléber Santana soltou o disparo do meio da rua. Grassi só acompanhou a bola sair pela llinha de fundo. Aos 44, Túlio de Melo venceu disputa pelo alto e cabeceou. Galhardo fez corte providencial em cima da linha e evitou o gol da Chape.

SEGUNDO TEMPO

O técnico Guto Ferreira promoveu uma substituição no intervalo da primeira para a segunda etapas. Elicarlos deu lugar a Gil. Aos 10 minutos da metade final do confronto, Erazo cometeu sobre Apodi. Túlio de Melo converteu a cobrança e diminuiu a vantagem dos donos da casa. O gol empolgou o time do técnico Guto Ferreira. Quatro minutos depois, Camilo recebeu na intermediária e finalizou. A bola passou perto. Aos 20, Cléber Santana arrematou de longe e Bruno Grassi defendeu em dois tempos. O empate veio aos 32. E novamente com Túlio de Melo. Maranhão levou vantagem sobre Geromel e cruzou na medida para o atacante recolocar o placar em igualdade.Aos 34, Pedro Rocha, que substituiu Bobô, trouxe para o pé esquerdo e exigiu grande intervenção de Nivaldo. Marcelo Oliveira, quatro minutos depois, testou no meio do gol e o goleiro defendeu com tranquilidade. Aos 50 minutos, no último lance da partida, a Chapecoense conseguiu a virada. Em contra-ataque fulminante, Apodi invadiu a área, fuzilou Grassi e decretou a vitória do Verdão.FICHA TÉCNICA:

Grêmio 2×3 Chapecoense

Local: Arena do Grêmio

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)

Grêmio: Bruno Grassi; Galhardo, Geromel, Erazo e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon (Braian Rodríguez), Giuliano e Douglas; Luan (Mamute) e Bobô (Pedro Rocha). Técnico: Roger Machado

Chapecoense: Silvio (Nivaldo); Apodi, Vilson, Willian Thiego e Dener; Elicarlos (Gil), Cléber Santana, Camilo (Wanderson) e Maranhão; William Barbio e Túlio de Melo. Técnico: Guto Ferreira

Gols: Douglas, aos quatro minutos do primeiro tempo, Bobô, aos 33 minutos do primeiro tempo; Túlio de Melo, aos 11 e aos 32 minutos do segundo tempo, Apodi, aos 50 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos: Cléber Santana (CHA), Apodi (CHA); Geromel (GRE), Erazo (GRE)

Cartões vermelhos: Vilson (CHA)

Público total: 21.900 

voltar
© Copyright 2019