Devido à crise, ao menos 5 municípios gaúchos parcelam salários de servidores

Cinco municípios gaúchos já tiveram problemas para pagar os salários dos servidores em 2016. As cidades que já realizaram parcelamentos são CachoeirinhaUruguaianaSão LeopoldoRestinga Seca e Fazenda Vilanova.

No entanto, o presidente da Confederação Nacional de Municípios, Paulo Ziulkoski, acredita que esse número seja ainda maior. De acordo com ele, a expectativa é que as prefeituras ganhem um fôlego com os repasses provenientes da repatriação de valores.

“Esperamos R$ 430 milhões. O valor será utilizado para pagar dívidas”, relata, classificando a situação das cidades como caótica.

Entre os municípios que apresentam problemas está Cachoeirinha, parcelando os salários há três meses e sem recursos próprios para pagar o 13º salário. Por isso, a prefeitura fez um acordo com o Banrisul, onde os trabalhadores poderão receber o valor correspondente.

Já em São Leopoldo, apenas os professores receberam em dia. Para o restante dos servidores, foram depositados R$ 900, e não há data para a quitação do restante.

GAÚCHA

 
voltar
© Copyright 2019