Força Nacional chega nesta terça-feira a Amazonas e Roraima

Após dois massacres que causaram a morte de quase cem detentos em menos de uma semana, tropas da Força Nacional de Segurança serão enviadas aos Estados de Amazonas e Roraima, por meio de aviões da Força Aérea Brasileira, ainda na madrugada desta terça-feira, conforme explicou o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, na noite desta segunda-feira. Os 200 integrantes vão agir para reforçar o trabalho dos agentes penitenciários locais. As informações são do site G1.

A Força Nacional não vai atuar no lugar dos trabalhadores penitenciários dentro das casas prisionais, mas vai trabalhar no entorno dos presídios, auxiliando para evitar fugas, recapturar fugitivos, realizar escoltas e movimentar presos no deslocamento até tribunais ou outros locais.

Para o Amazonas, além do efetivo, serão enviados outros equipamentos e armamentos. Dez trabalhadores do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) vão fazer o diagnóstico das penitenciárias e treinar funcionários dos agentes locais. Um helicóptero da Polícia Federal (PF) também será emprestado ao Estado.

Com a medida anunciada por Moraes, Amazonas e Roraima se juntam a outros cinco Estados que pediram ajuda para reforçar a segurança de casas prisionais: Acre, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins.

Moraes garantiu também que vagas em presídios federais, para os detentos mais perigosos, serão liberadas assim que a Justiça autorizar a transferência.

ZERO HORA

 
voltar
© Copyright 2019