Grêmio deverá ter time misto contra o Caxias

Renato Portaluppi está de volta. E o treinador voltou fechando parte do treinamento de ontem no CT Luiz Carvalho. Foi o primeiro contato do técnico com os novos membros da comissão técnica. Renato não terá tempo para preparar o time da estreia no Gauchão, amanhã, diante do Caxias, na Arena. A possibilidade maior é de utilização de uma equipe mista, mesclando titulares e reservas.

O Grêmio tem interesse e iniciou movimentações para tentar repatriar o meia Giuliano. Atualmente no Al Nassr, da Arábia Saudita, o jogador é um desejo do clube para o meio-campo. A negociação, no entanto, é complicada. Giuliano tem mais um ano e meio de contrato com os árabes, e o Tricolor teria de pagar uma rescisão contratual. Em 2019, o Al Nassr pediu R$ 40 milhões para liberar o jogador para o Cruzeiro. O empresário Felipe Nagel, que representa o atleta, viajou à Arábia Saudita para buscar uma liberação antecipada, ou então convencer os árabes a diminuírem substancialmente os valores pedidos para negociar Giuliano.

Outra possibilidade é buscar um empréstimo por uma temporada, com opção de compra ao final do vínculo. Giuliano deixou o Grêmio em 2016 vendido para o Zenit, da Rússia. No sábado, o Grêmio fará um amistoso com o Athletico Paranaense, na Arena, com portões fechados. Os jogadores que forem utilizados nesse jogo não viajam para o duelo com o Brasil de Pelotas, domingo, pela segunda rodada do Campeonato Gaúcho.

Fonte: Correio do Povo

voltar
© Copyright 2019