Grêmio enfrenta o Flamengo buscando reabilitação no Brasileiro

Após três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro, o Grêmio tenta a reabilitação diante do embalado Flamengo, que não perde há sete jogos. O confronto de hoje, que começa às 19h30min, vale a vice-liderança. Para o duelo no estádio Luso-Brasileiro, a Ilha do Urubu, o técnico Renato Portaluppi não contará com Marcelo Grohe, Pedro Rocha e Miller Bolaños. O camisa 1 até voltou a treinar na terça-feira, após a cicatrização de um corte profundo sofrido no joelho esquerdo na partida contra o Godoy Cruz, semana passada, pela Libertadores. Porém, como adiantou o treinador, ele ainda não tem condições de jogo, já que está com alguns movimentos limitados. O mesmo ocorre com Pedro Rocha, que se recupera de um desgaste muscular. Tanto o goleiro como o atacante foram desfalques na derrota para o Avaí, na última rodada. "O Grohe ainda não consegue fazer alguns movimentos no joelho e está fora. Conversei com Pedro Rocha ontem (terça-feira) e, se fosse uma decisão, eu o colocaria para jogar, o que não é o caso. É um pouco arriscado colocá-lo e perdê-lo por um tempo maior", explicou Portaluppi. Além do desfalque de Grohe e Pedro Rocha, o Tricolor também não poderá contar com Bolaños. De acordo com informações do clube, o equatoriano não foi relacionado devido a problemas particulares. O Grêmio fechou ontem pela manhã a preparação para enfrentar o time carioca. O treinador comandou um trabalho técnico em campo reduzido, no qual os atletas trocavam passes em espaço curto sob forte marcação. Depois, o elenco disputou o tradicional rachão. No início da tarde, a delegação embarcou para o Rio. Fora de campo, o clube recebeu ontem a primeira investida pelo atacante Luan. O empresário do camisa 7, Jair Peixoto, informou que a Sampdoria, da Itália, oficializou uma proposta pelo jogador de 24 anos. A direção recusou, alegando valor abaixo do desejado. O Grêmio almeja ao menos € 25 milhões para liberar Luan. A oferta teria ficado na casa dos € 18 milhões. O clube tem 70% dos direitos do atleta. –

Jornal do Comércio 

voltar
© Copyright 2019