Guto não descarta mudanças no time e pede atitude: “Tem que pôr para fora toda capacidade”

O técnico Guto Ferreira pediu um voto de confiança do torcedor do Inter após o empate em 1 a 1 com o Juventude no Beira-Rio. Assim como o vice de futebol, Roberto Melo, o estreante da noite viu a equipe desgastada por conta do confronto com o Palmeiras, no meio de semana, pela Copa do Brasil.



— Eles (Juventude) descansaram a semana toda, trabalharam sem desgaste do jogo. O Inter jogou quarta contra o Palmeiras, em jogo no qual o que mais foi falado foi a atitude do Inter. Jogador não é máquina. Agora temos sequência de seis jogos sem semana cheia — comentou Guto.Em virtude dos últimos dois empates no Beira-Rio pela Série B, contra ABC e Juventude, o técnico também falou sobre possíveis mudanças na equipe. Tanto na escalação quanto na atitude dos atletas.



— Não é só querer (subir à Série A). Tem que pôr para fora toda capacidade, temos que ajustar, e se tiver que acertar com modificações, faremos.



O zagueiro Léo Ortiz, que foi bastante criticado por torcedores, teve a situação comentada pelo técnico. Que não garantiu a sequência do mesmo no time:



— Tudo vai ocorrer da melhor maneira, em cima do que faremos na semana. Vamos ver o que temos, de que maneira colocar na equipe, se é momento de sair ou não. Vamos discutir para encontrar a melhor solução.

voltar
© Copyright 2019