Inter estreia na Libertadores com derrota por 2 a 0 para o Always Ready

O Inter não teve vida fácil na Bolívia na noite desta terça-feira, em sua estreia na Libertadores. Jogando a mais de 3,6 mil metros de altitude, em La Paz, a equipe de Miguel Angel Ramírez não jogou bem e teve diante de si um organizado time do Always Ready, que venceu em seus domínios pelo placar de 2 a 0.

Os gols do jogo foram marcados no segundo tempo. Saucedo, de longe, arriscou da intermediária e foi premiado com um golaço no ângulo de Marcelo Lomba. No último lance do jogo, Algarañaz decidiu o placar após passe errado na saída, de Zé Gabriel.

Com o resultado, e Inter e Olimpia – que também perdeu, para o Deportivo Táchira – largam atrás no grupo B da Libertadores. O Colorado volta a campo pelo Gauchão no fim de semana, para enfrentar o Esportivo, no Beira-Rio, em partida ainda sem horário confirmado. Pela Libertadores, o próximo confronto é na próxima terça-feira, contra o Deportivo Táchira, às 19h15min, em Porto Alegre.

Inter sofre no primeiro tempo

O técnico Miguel Ángel Ramírez preparou algumas surpresas para a estreia na Libertadores. A mais notável a saída de Patrick, titular e um dos melhores jogadores do time na campanha do vice-campeonato brasileiro de 2020. No setor, optou por Caio Vidal e Maurício, elogiado constantemente pelo treinador. Na zaga, Zé Gabriel fez companhia a Cuesta.

Jogando com a altitude a seu favor, foi o Always Ready quem construiu a primeira chance de marcar. Aproveitando-se do efeito da bola nos chutes à distância por conta do ar rarefeito, Sanguinetti bateu de fora da área e obrigou Marcelo Lomba a saltar e fazer defesa de mão trocada logo aos 3 minutos de jogo, evitando o gol dos bolivianos.

Mais adaptado ao campo e às circunstâncias de jogo, o Always Ready foi superior ao Inter na primeira meia hora de jogo. E isso se refletiu no número de finalizações. Foram 9 dos bolivianos contra apenas uma do Colorado. Boa parte delas foram de média ou longa distância, tentando surpreender Marcelo Lomba.

Ao longo de todo o primeiro tempo, o Inter concedeu espaços para os meias do time boliviano conduzirem a bola vindo de trás. Isso possibilitou que os donos da casa arriscassem as finalizações ao longo de todo o primeiro tempo. Os jogadores ofensivos do Colorado, em contrapartida, como Palacios, Caio e Mauricio, pouco apareceram. Assim, a partida foi ao intervalo empatada em 0 a 0.

Golaço define o placar 

Precisando corrigir o time que sofreu no primeiro tempo, Miguel Angel Ramírez optou, inclusive, por trocar a formação do Inter. Passou a equipe para um 3-5-2 e fez duas trocas: colocou Lucas Ribeiro no lugar do apagado Palacios, e Yuri Alberto, substituindo Caio Vidal, junto a Thiago Galhardo na frente. Adiantou Heitor e Moisés para as alas, alinhando Edenilson e Maurício a Dourado.

Mas foi o Always Ready quem abriu o placar, utilizando-se do recurso que mais tentou ao longo da primeira etapa. Saucedo recebeu na intermediária, teve espaço e acreditou. Arriscou de longe e anotou um golaço, acertando o ângulo direito de Marcelo Lomba, sem chances para o goleiro, abrindo o placar.

O técnico Miguel Ángel Ramírez seguiu tentando corrigir a equipe. Após o gol, sacou Edenilson, que também pouco produziu, para a entrada de Praxedes. Depois, fez a opção por desfazer o 3-5-2, que não funcionou para levar o time à frente, com a opção de Nonato no lugar de Lucas Ribeiro, que havia entrado no intervalo

Mesmo sem fazer grande atuação, o Inter conseguiu levar perigo, e criou sua melhor chance de igualar o marcador com Yuri Alberto, aos 30 minutos da etapa final. Yuri Alberto recebeu, limpou para dentro e bateu de perna direita, colocado e com força. A bola se chocou violentamente com o travessão, evitando o empate colorado.

No fim, o Always Ready teve maturidade para administrar o resultado e garantir a vitória com gol no último lance do jogo, com Algarañaz. Ele aproveitou o presente de Zé Gabriel, que errou passe na intermediária, invadiu a área e bateu cruzado, sem chances para Lomba.

Libertadores – 1ª rodada

Always Ready 2 

Lampe; Flores, Cummings, Cabrera e Machado; Ramallo, Saucedo, Arce e Sanguinetti; Vander Vieira e Ovejero. Técnico: Omar Asad

Inter 0 

Lomba; Heitor, Cuesta, Zé Gabriel e Moisés; Dourado, Edenilson, Palacios, Mauricio e Caio Vidal; Thiago Galhardo. Técnico: Miguel Angel Ramírez

Gols: Saucedo (7/2T) e Algarañaz (49/2T)

Cartões amarelos: Vander Vieira, Cummings (Always Ready); Palacios, Maurici (Inter)

Arbitragem: Nicolas Gallo (COL)

Local: Estádio Hernando Siles, em La Paz (BOL)

Data e hora: 20/04, às 19h15min

voltar
© Copyright 2019