Inter fica no empate com o Ceará e cai para oitavo na tabela do Brasileirão

Partida foi válida pela 24ª rodada do Brasileirão | Foto: Ricardo Duarte / Inter / Divulgação / CP

Em um duelo equilibrado e disputado, Inter e Ceará ficaram no 0 a 0 na Arena Castelão, na noite desta quarta-feira, pela 24ª rodada do Brasileirão. O resultado travou o Colorado na tabela, que somou mais um ponto, vai aos 33, mas desperdiça uma oportunidade de entrar no G6. Pelo contrário, com a vitória do Athletico Paranaense, a equipe do técnico Diego Aguirre perde uma posição na tabela e agora é oitavo.

Marcada por muitas faltas e vários momentos truncados, a partida teve os donos da casa mais perto do gol no somatório dos 90 minutos, e novamente boas aparições do goleiro Daniel do lado colorado, que sentiu bastante os desfalques para impor seu estilo. Na próxima rodada, o Inter se reencontra com sua torcida no estádio Beira-Rio, às 11h, do domingo, diante da Chapecoense.

Movimentado e disputado

O jogo na Arena Castelão começou franco nos primeiros 20 minutos. Ambos os times buscaram o ataque e deixaram espaços em suas defesas. Por um detalhe, o centroavante Yuri Alberto não aproveitou e abriu o placar. Após boa assistência de Patrick, o atacante chutou forte e provocou boa defesa de João Ricado aos 13 minutos.

A resposta cearense também apareceu. Aos 19, com boa troca de passes, o meia Vina recebeu na cara de Daniel, mas finalizou fraco e de primeira, possibilitando a atenta defesa do arqueiro colorado. Com o gigante centroavante Cleber, os donos da casa insistiam pelo alto. Assim, quase abriram o placar: depois de escanteio, o camisa 89 desviou para fora rente ao poste.

A partir dos 30 minutos, o Ceará passou a controlar mais a partida, trocar mais passes e ser dono das ações. No entanto, o Inter soube defender com bastante competência. Faltou, porém, encaixar melhor os contragolpes que se apresentavam para os velozes Mauricio e Caio Vidal.

Depois de um começo animado, o jogo também acabou ficando picotado pelo grande número de faltas assinaladas pelo árbitro. Foram 23 na etapa inicial e três cartões amarelos, dois para o Ceará e um para o Inter.

Daniel seguro e pouca inspiração

Para a segunda etapa e pela violência do jogo, o técnico Diego Aguirre colocou o lateral Paulo Victor na vaga do já amarelado Moisés. Repetindo o roteiro do primeiro tempo, a segunda etapa começou animada. “Trocando golpes”, os dois times tiveram oportunidades para marcar antes dos 10 minutos. Aos 7, Patrick avançou cara a cara com o goleiro João Ricardo e não fosse a boa recuperação do zagueiro Luiz Otavio, iria abrir o placar. Na sequência, foi a vez do Inter ser salvo, mas pelo travessão. Em rápido contragolpe, Vina achou Cleber na ponta da área. Ele soltou a bomba e a bola foi no poste superior.

Aos 16, os meias Johnny e Gustavo Maia entraram nos lugares de Mauricio e Caio Vidal. Apesar das trocas, foi o Ceará quem melhorou no jogo e voltou a explorar os cruzamentos na hora. Na melhor delas, aos 30, o goleiro Daniel brilhou. Vina levantou e Cleber levou vantagem contra os zagueiros desviando de cabeça. A bola ia entrando no canto direito, mas o arqueiro colorado conseguiu salvar.

Apesar de maior ambição ofensiva, o time da casa esbarrou na precipitação e na falta de capricho. Em confusão na área, Vina tocou fraco e Daniel segurou firme sem problemas. Nessa levada, a partida seguiu até o final, com placar cerrado.

Campeonato Brasileiro – 24ª rodada

Ceará 0
João Ricardo; Igor, Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Marlon e Fernando Sobral (Fabinho0; Airton (Erick), Vina e Kelvyn (Lima); Cleber (Jael). Técnico: Tiago Nunes.

Inter0
Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Gabriel Mercado e Moisés (Paulo Victor); Rodrigo Dourado e Rodrigo Lindoso; Caio Vidal (Johnny), Mauricio (Gustavo Maia) e Patrick; Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre.

Cartões amarelos: Marlon, Bruno Pacheco, Vina e Luiz Otávio (Ceará); Moisés e Saravia (Inter)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Assistentes: Victor Hugo Imazu dos Santos e Sidmar dos Santos Meurer (PR)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Data e horário: 06 de outubro, às 19h.
Local: Castelão, em Fortaleza (CE).

CP

voltar
© Copyright 2019