Inter marca no fim, vence o Fortaleza e entra de vez na briga pelo G6 do Brasileirão

Inter e Fortaleza fizeram um jogo movimentado e cheio de alternativas no Beira-Rio, na manhã deste domingo. E, mais uma vez com um gol marcado no fim, o Colorado conquistou uma importante vitória por 1 a 0. Com o resultado, a equipe de Diego Aguirre entrou de vez na briga pelo G6 do Brasileirão, subindo para a sexta posição, com 29 pontos.

A vitória, porém, foi sofrida. Só nos acréscimos, Edenilson abriu o placar, após bom passe de Yuri Alberto. A partida também teve por dois cartões vermelhos. Na metade do segundo tempo, Saravia e David se estranharam e foram expulsos pela árbitra Edina Pereira Alves.

O Inter volta a campo no domingo, quando enfrenta o Bahia, às 16h pela 22ª rodada do Brasileirão, no Beira-Rio.

Fortaleza começa melhor, mas Inter equilibra no primeiro tempo

Mais uma vez, o Inter não pôde contar com Taison, em fase final de recuperação após lesão muscular. Conforme o esperado, o substituto escolhido por Diego Aguirre para iniciar a partida foi Mauricio. Na zaga, mais uma vez a dupla foi formada por Bruno Méndez e Victor Cuesta. Na lateral-direita, Renzo Saravia começou jogando.

Do outro lado, sensação do campeonato, o bom time de Juan Pablo Vojvoda foi quem levou perigo primeiro, logo a 1 minuto de jogo. Lucas Lima recebeu na esquerda e fez o cruzamento rasteiro. Henríquez apareceu nas costas da zaga colorada e, de primeira, finalizou com perigo, e a bola passou muito perto do pé da trave direita, assustando o goleiro Daniel.

Não foi só isso. O Fortaleza seguiu melhor no jogo, explorando especialmente as costas de Moisés, que teve dificuldade de se encontrar na marcação nos minutos iniciais. Aos 17, Lucas Lima foi ao fundo e cruzou para Ederson. A intervenção de Saravia para travar foi fundamental para evitar o gol dos visitantes, já que o gol estava aberto.

O Inter, apesar de ter mais a posse de bola na primeira meia hora de jogo, sofreu para criar as suas ações ofensivas. Pressionado no campo de defesa pelo Fortaleza, encontrava dificuldades para sair jogando de trás, abusando do chutão. Assim, Mauricio e Yuri Alberto quase não levaram vantagem sobre a defesa dos visitantes, bem postada.

No entanto, o Inter melhorou no fim do primeiro tempo, e conseguiu a melhor finalização do Inter aconteceu aos 41. Mauricio recebeu e, de fora da área, arriscou de longe. Ela desviou no caminho, no zagueiro Marcelo Benevenuto, e foi para escanteio. Ainda assim, o chute passou muito perto da trave e, por pouco, o Inter não foi ao intervalo em vantagem no marcador.

Edenilson marca no fim 

Para o segundo tempo, o técnico Diego Aguirre voltou com uma troca, colocando Boschilia no lugar de Mauricio. Mas de novo foi o Fortaleza quem criou a primeira chance. Logo aos 4 minutos, Robson finalizou duas vezes. A primeira parou em Daniel. Na segunda, com o goleiro já vendido no lance, Moisés tirou a bola de cima da linha, evitando o gol do Fortaleza.

Aos 22, o Inter esteve muito perto de abrir o placar. Rodrigo Dourado fez cruzamento da esquerda, e Edenilson tentou de voleio. Ele não pegou bem o suficiente para a finalização, mas rendeu um passe para Yuri Alberto. Livre na pequena área, ele cabeceou para a boa defesa do goleiro Felipe Alves, salvando os visitantes.

Na sequência, uma confusão que deixou as duas equipes com 10 jogadores em campo. Após desentendimento no campo de defesa do Inter, Saravia e David, que havia acabado de entrar no Fortaleza, se estranharam e trocaram empurrões. A árbitra Edna Alves Batista optou por expulsar os dois jogadores.

Com mais espaço, as duas equipes exploraram a velocidade. Mas foi na bola parada que o Fortaleza quase marcou, no fim da partida. Em cobrança de falta da intermediária, a bola desviou em Yuri Alberto no caminho e, por pouco, não enganou o goleiro Daniel.

No fim, quando a partida já se encaminhava para um empate, brilhou a estrela do artilheiro do campeonato. Yuri Alberto fez bom passe, na medida, para Edenilson fazer seu nono gol na competição, aos 47 do segundo tempo. O gol fez o entrar de vez na briga pelo G6 do Brasileirão.

Campeonato Brasileiro – 21ª rodada

Inter 1
Daniel; Saravia, Bruno Mendez, Cuesta e Moisés (Paulo Victor); Rodrigo Dourado, Lindoso, Edenilson, Patrick (Heitor) e Mauricio (Boschilia/Johnny); Yuri Alberto. Técnico: Diego Aguirre

Fortaleza 0
Felipe Alves; Daniel Guedes, Benevenuto e Titi; Yago Pikachu (Edinho), Ederson, Matheus Jussa, Lucas Lima  (Depietri) e Lucas Crispim (Ronald); Robson (Wellington Paulista) e Henriquez (David). Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Gol: Edenilson (47/2T)
Cartões amarelos: Bruno Mendez, Rodrigo Dourado (Inter); Marcelo Benevenuto (Fortaleza)
Cartões vermelhos: Saravia (Inter) e David (Fortaleza)
Arbitragem: Edna Alves Batista (SP)
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

CP

voltar
© Copyright 2019