Inter vence o Joinville e mantém vivo sonho de vaga na Libertadores

 

O Inter pode seguir mirando uma vaga na Libertadores de 2016. A vitória por 1 a 0 sobre o Joinville, na noite deste sábado (24), no Beira-Rio, leva o time aos 50 pontos e o aproxima ainda mais do G-4.

Argel Fucks assistiu, de um skybox, a vitória do Inter, sem boa atuação, no gramado do Beira-Rio – o técnico foi suspenso por um jogo após julgamento nesta semana em decorrência de uma invasão de campo em Palmeiras x Inter, pela Copa do Brasil. À beira do campo, Galego tinha um banco de reservas de luxo: com Sasha e D'Alessandro, ainda sem condições de atuarem os 90 minutos.

Sem os dois craques, o meio de campo com Alex e Anderson pouco produziu. No primeiro tempo, inclusive, foi o Joinville que começou assustando. O cronômetro mal havia apontado os cinco minutos de partida, e os visitantes já tinham ameaçado duas vezes, com Anselmo, em jogada individual, e Lucas Crispim, em chute de fora da área.

Pelo Inter, Alex e Nilton arriscaram de longe, mas sem levar perigo ao gol do ex-colorado Agenor. A chance mais efetiva aconteceu somente aos 39 minutos da primeira etapa, quando Agenor saiu mal, após cobrança de falta, e Juan quase marcou.

Para o segundo tempo, Galego sacou D'Alessandro do banco e o colocou na vaga de Alex. E foi dos pés do capitão colorado, que se recuperou há pouco de hérnia de disco, que saiu o gol do Inter.

Aos 19 minutos, D'Ale cruzou e achou Vitinho dentro da área. O atacante cabeceou para o fundo do gol de Agenor para abrir o placar.

A outra estrela do banco entrou com quase meia hora de etapa complementar. Mesmo com a falta de ritmo que quase dois meses fora dos jogos acarreta, o jogador promoveu qualidade no setor, ao acrescentar dinamismo à movimentação da meia cancha.

Para a próxima partida, contra o Goiás, no Serra Dourada, o Inter não terá Vitinho, suspenso pelo terceiro amarelo. Em compensação, Argel Fucks, de volta à casamata, terá Paulão, que cumpriu suspensão neste sábado, e Lisandro López, recuperado de lesão.

FICHA TÉCNICA:
Inter 1×0 Joinville
32ª rodada do Brasileirão
Beira-Rio, Porto Alegre
Público: 22.479 torcedores

Inter: Alisson; William, Juan, Réver e Ernando; Rodrigo Dourado, Nilton, Anderson (Sasha) e Alex (D'Alessandro); Valdívia (Wellington) e Vitinho. Técnico: Argel Fucks

Joinville: Agenor; Edson Ratinho, Rafael Donato, Guti e Diego; Naldo, Anselmo, Lucas Crispim (William Popp/Marion) e Marcelinho Paraíba; Kempes e Ricardo Bueno (Edigar Junio). Técnico: PC Gusmão

Gol: Vitinho, aos 19 minutos do segundo tempo.
Cartão amarelo: Vitinho (INT); Kempes (JOI)

voltar
© Copyright 2019