Miller Bolaños foca em títulos e se coloca à disposição de Roger

Miller Bolaños foi oficialmente apresentado pelo Grêmio e durante a curta entrevista coletiva da tarde desta quinta (11), o jogador falou sobre suas preferências dentro de campo e afirmou o foco na busca por conquistas com a camisa tricolor.  

O presidente Romildo Bolzan Jr., começou destacando que a parceria para fechar a negociação para ter Miller Bolaños foi altamente honrosa por parte do clube, do empresário do jogador e de todos os envolvidos: "apertamos as mãos e firmamos as palavras e isso pra mim bastou", disse Romildo, revelando que o Emelec chegou a receber, posteriormente ao encontro entre Grêmio e o empresário, uma proposta muito mais alta que a feita pelo time gaúcho.  

Após receber sua carteira de sócio e a camisa número 23, Miller, como prefere ser chamado e como consta em sua camisa, respondeu as perguntas dos jornalistas e explicou o motivo do número: "Michael Jordan, ex-jogador do Chicago Bulls".  

Sobre seu modo de jogar, explicou:  "Costumo jogar como mediapunta nos últimos anos, mas estou à disposição do treinador".   

Além disse, Miller demonstrou entender a pressão e a responsabilidade de vestir a camisa do Grêmio e prometeu lutar para que a equipe conquiste títulos: "espero trabalhar sempre para que o Grêmio ganhe muitas copas", falou o novo contratado.   

O presidente Romildo aproveitou para explicar que o elenco do tricolor está fechado para a Libertadores da América: "nesse momento para a Libertadores, o elenco está fechado, mas deixamos abertos para as próximas fases".  

voltar
© Copyright 2019