Mudança nas regras da aposentadoria de militares pode render R$ 1,6 bilhão

O governo federal espera arrecadar cerca de R$ 1,6 bilhão por ano com duas mudanças na aposentadoria dos membros das Forças Armadas. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, não há previsão de quando a proposta será encaminhada ao Congresso – mas isso deve ocorrer enquanto a reforma da Previdência estiver em andamento.

O valor sairia do início do pagamento de uma alíquota de 11% por parte dos pensionistas militares, o que geraria um caixa de R$ 1,3 bilhão. Os outros R$ 300 milhões viriam do desconto de 11% de cabos, soldados e alunos de escolas de formação militar, que passariam a recolher passariam a recolher para pagamento do fundo de saúde e para a pensão.

O governo ainda estuda outras duas alterações: aumento do tempo de serviço de 30 para 35 anos e aumento da idade de aposentadoria obrigatório do militar.

voltar
© Copyright 2019