Quatro anos depois, Brasil cai de novo nos pênaltis para o Paraguai

O Brasil está eliminado da Copa América. Quatro anos após ser eliminado pelo Paraguai nos pênaltis, a história se repetiu. Convertendo apenas 3 cobranças contra 4 finalizações certeiras do Paraguai, foi adiado, mais uma vez, o sonho do título sul-americano.

A seleção paraguaia vai encarar a Argentina, na próxima terça-feira (1), na disputa pela vaga na final do torneio.

PRIMEIRO TEMPO

A primeira metade da partida foi truncada. Criando pouco, mas com uma defesa segura, o Brasil conseguiu dominar as ações sobre o Paraguai.

Trocando passes no setor defensivo, a Seleção Brasileira avançou. Aos 14 minutos, Daniel Alves recebeu de Elias, avançou e cruzou para Robinho, que marcou.

A partir do gol brasileiro, os paraguaios adotaram uma postura mais ofensiva após o gol, mas pouco produziram e o goleiro Jéfferson quase não foi exigido.

SEGUNDO TEMPO

Com apenas 45 minutos restantes para a decisão do classificado para as semis, o jogo melhorou. A seleção do Paraguai voltou do vestiário determinada a buscar a reação e assustou obrigou Jéfferson a trabalhar em falta cobrada por Derlis Gonzáles. Haedo Valdez também ofereceu perigo em cabeçada que passou perto do gol.

O goleiro da Seleção Brasileira poderia ser o nome da segunda etapa, principalmente depois de salvar uma testada do zagueiro Paulo da Silva. No entanto, aos 24 minutos, Thiago Silva colocou a mão na bola dentro da área. O pênalti foi marcado, e Jéfferson não pôde evitar o empate paraguaio na cobrança de Derlis Gonzáles.

Com a decisão por pênaltis iminente, nenhum dos dois times conseguiu mudar o placar da partida.

PÊNALTIS

Fernandinho abriu a série marcando o gol. Osvaldo Martínez deixou tudo igual.

Éverton Ribeiro desperdiçou sua cobrança colocando a bola para fora, e Victor Cáceres botou os paraguaios na frente do placar.

Buscando a reação, Miranda converteu sua penalidade, mas Bobadilla também marcou.

Douglas Costa foi o responsável por errar a segunda cobrança do Brasil, ao isolar a bola. Roque Santa Cruz também errou e gerou esperança aos brasileiros.

Na última rodada da série, Philippe Coutinho marcou e Gonzáles determinou a classificação paraguaia.

FICHA TÉCNICA

Árbitro: Andrés Cunha

Local: Estádio Ester Roa, de Concepción

Brasil: Jefferson, Daniel Alves, Thiago Silva, Miranda e Filipe Luís; Fernandinho, Elias, Philippe Coutinho e Willian (Douglas Costa); Robinho (Éverton Ribeiro) e Roberto Firmino (Diego Tardelli).

Paraguai: Villar, Bruno Valdez, Paulo da Silva e Pablo Aguillar; Iván Piris; Aranda (Osvaldo Martínez), Victor Cáceres, Derlis Gonzáles e Edgar Benítez (Óscar Romero); Haedo Valdez (Bobadilla) e Roque Santa Cruz

Cartões amarelos: Bruno Valdez (P); Pablo Aguillar (P); Daniel Alves (B); Philippe Coutinho (B); Osvaldo Martínez (P)

Gols: Robinho (B), aos 14 minutos do primeiro tempo e Gonzáles, aos 25 minutos do segundo tempo.

voltar
© Copyright 2019