Salva-vidas civis paralisam atividades nesta quinta-feira

Os salva-vidas temporários do Rio Grande do Sul vão paralisar as atividades nesta quinta-feira (12), devido ao atraso no pagamento do salário de janeiro. Eles farão um protesto pela manhã em Tramandaí, na base avançada dos Bombeiros, e simultaneamente em Rio Grande, no litoral sul.

São ao todo 88 salva-vidas civis trabalhando no Estado, e segundo a associação que representa a categoria, todos vão participar do protesto. Conforme a entidade, eles só voltarão ao trabalho quando receberem um documento oficial do governo do Estado informando o pagamento dos salários. Os valores deveriam ter sido pagos no dia 31 de janeiro.

Conforme a Secretaria de Segurança do Estado, o pagamento será efetuado nesta sexta-feira. Entre os salva-vidas militares, são cerca de 1,2 mil servidores.

voltar
© Copyright 2019