Santa Rosa tem primeiro caso suspeito do novo coronavírus

A Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa (FUMSSAR) informou na manhã desta segunda-feira (2) que foi registrado um caso suspeito do novo coronavírus (Covid-19) no município. De acordo com a fundação, trata-se de uma pessoa do sexo feminino, na faixa etária dos 50 anos, que esteve na Itália e retornou a Santa Rosa.

 

Ainda segundo o comunicado, a paciente recebeu o atendimento médico previsto no protocolo estabelecido pelo Ministério da Saúde e encontra-se em bom estado de saúde em isolamento domiciliar.

 

“Os procedimentos determinados pelo Ministério da Saúde e Secretaria Estadual foram realizados e estamos no aguardo de resultados de exames para comprovação”, afirma o comunicado. “Salientamos que o governo municipal antecipou medidas preventivas de atendimento se necessário fosse com a criação de um grupo de monitoramento do novo coronavírus, bem como capacitando e orientando profissionais de saúde”, destaca a nota.

 

A FUMSSAR informou ainda que com o surgimento de um caso suspeito as equipes estão com o alerta redobrado, mas que não existem motivos para pânico por parte dos munícipes. A fundação reforçou que todas as informações serão repassadas à comunidade através de comunicados oficiais, não sendo reconhecidas falas e ou postagens isoladas em redes e mídias sociais.

 

Leia o comunicado da FUMSSAR:

 

COMUNICADO
A  FUMSSAR vem através do presente comunicar a  população em geral que nesta data foi registrado um caso suspeito do novo Coronavírus no município. Trata-se de uma pessoa do sexo feminino, na faixa etária dos 50 anos, que esteve na Itália e retornou a Santa Rosa, por isto já vinha sendo monitorada pela vigilância do município, no decorrer do monitoramento a paciente apresentou os  sintomas atendendo os critérios do Ministério da saúde como caso  suspeito, sendo notificado e seguindo protocolo estabelecido. A paciente foi atendida encontra-se em bom estado de saúde em isolamento domicilair.
Informamos ainda que todos os procedimentos determinados pelo Ministério da Saúde e Secretaria Estadual foram realizados  e estamos no aguardo de resultados de exames para comprovação.
Salientamos que o governo municipal antecipou medidas preventivas de atendimento se necessário fosse com a criação de um grupo de monitoramento do novo Coronavírus, bem como capacitando e orientando profissionais de saúde.
Com o surgimento de um caso suspeito as equipes estão em alerta redobrados, mas que não existe motivos para pânico por parte dos munícipes, todas as informações serão repassadas a comunidade através  de comunicados oficiais, não sendo reconhecidas falas e ou postagens isoladas em redes e mídias sociais.
Santa Rosa,02 de março de 2020.
Alice Klein                                                                  Délcio Stefan
Diretora de Atenção Primária                                 Presidente da FUMSSAR

 

 

Fonte: Redação

voltar
© Copyright 2019