Saravia diz ser um lateral ofensivo e projeta sequência no Inter

O lateral direito Renzo Saravia foi apresentado oficialmente no início da tarde desta quinta-feira como reforço do Inter. Em uma entrevista curta e com respostas diretas, o jogador de 26 anos demonstrou satisfação por atuar em um clube grande do Brasil, ao lado do técnico Coudet e com objetivos importantes na temporada. Durante a coletiva, Saravia foi questionado se costuma jogar como na partida contra o Brasil, pela Copa América do ano passado, quando ele teve que marcar um importante jogador brasileiro.

“Na partida contra o Brasil, sabíamos das características de jogo do Neymar e tinha que ser um lateral mais defensivo, mas sou ofensivo. Ataco constantemente. Da forma que Chacho gosta que os laterais atuem. Vou me sentir muito bem, pois vou ser mais uma opção (no ataque)”, revelou.

Contratado na metade de 2019, Saravia fez seis partidas oficiais pelo Porto, de Portugal, e marcou um gol. A saída do clube português por empréstimo se deu por uma série de motivos explicados pelo lateral.

“Quando cheguei ao Porto, não joguei o que esperava. Como meu objetivo é jogar e ter continuidade, aceitei a mudança. Agora é tratar de ter uma sequência, para voltar a seleção da Argentina, que é muito importante. Vou seguir trabalhando sério, com intensidade e demonstrar que estou a altura do clube”, declarou.

Como vinha treinando normalmente, Saravia pode estrear contra o Brasil de Pelotas. Porém, para que isso ocorra, é preciso que o nome do atleta seja divulgado no Boletim Informativo Diário da Confederação Brasileira de Futebol. Ele já foi inscrito na Libertadores, mas necessita do aval da CBF para ter a vaga confirmada. Questionado sobre o Gre-Nal pela competição sul-americana, o lateral pediu foco no Gauchão.

“Me sinto muito bem. (Antes do Gre-Nal) Temos uma partida muito importante no final de semana. Vamos pensar nisso primeiro. Agora, com sinceridade, todos sabemos que falam muito do Gre-Nal, que é um clássico muito importante, um dos mais importantes do Brasil. Precisamos estar preparados. Se puder jogar, vou aproveitar”, concluiu.

O Inter treina na sexta-feira e no sábado às 17h. No domingo, às 19h, pega o Brasil de Pelotas, no estádio Beira-Rio, pela segunda rodada do segundo turno do Gauchão.

voltar
© Copyright 2019