Soja: em apenas 7 dias, Rio Grande do Sul registra mais de 30 casos de ferrugem

A safra de soja 2020/2021 nem terminou ainda e o Brasil já registra mais casos de ferrugem asiática do que toda a safra 2019/2020. Ao todo, o país já contabiliza 241 casos da doença, sendo que 50 deles foram relatados nos últimos 10 dias, puxados por uma explosão de casos no Rio Grande do Sul. Os dados são do Consórcio Antiferrugem, liderado pela Embrapa.

Até o dia 15 de fevereiro, os gaúchos haviam reportado 43 casos da doença. Já nesta segunda-feira, 22, a quantidade de ocorrências saltou para 78 no estado. Ou seja, em 7 dias o Rio Grande do Sul registrou mais de 30 casos de ferrugem asiática nas lavouras de soja do estado.O Paraná foi o responsável pelo restante do crescimento de casos no país, já que passou de 86 casos, em 15 de novembro, para 95 nesta semana. Ou seja, ainda é o estado com mais casos da doença.

Municípios com mais casos

Entre os municípios com mais casos da doença no país, destaca-se Muitos Capões (RS), que já registrou 9 casos da doença, sendo 5 deles após o dia 15, comprovando a explosão de casos no estado.

Depois aparece Guarapuava, no Paraná, com 8 casos da doença. Na sequência vem Cascavel, também no Paraná, e Lagoa Vermelha (RS) com 7 casos da doença cada um.

Por fim fecham a lista, Campos Novos (SC), com 6 casos e São Miguel do Araguaia (GO), Maracaju (MS), Castro (PR), Palotina (PR) e Lagoa da Confusão (TO), todos com 5 casos.

SOJA FERRUGEM

Canal Rural

voltar
© Copyright 2019