Três anos e meio de tragédia da Kiss terá homenagens em Santa Maria

A quarta-feira (27) será de homenagens às vitimas da tragédia da Boate Kiss, que completa três anos e seis meses. A programação será realizada das 10h às 18h, na tenda montada pelos familiares, na Praça Saldanha Marinho, em Santa Maria.

Durante o dia, pais e amigos estarão no local realizando orações, e será feito um momento de reflexão espírita com a professora aposentada Maria das Graças Py. Às 18h, uma salva de palmas será dada, realizado o tradicional minuto de barulho.

Há cerca de uma semana, familiares de vítimas da tragédia fizeram a manutenção da tenda da vigília. Sete pessoas trabalharam na retirada da lona que protegia a estrutura desde 2014 e trocaram por uma nova. Os familiares também realizaram a limpeza de uma calha e a lavagem do banner com as fotos das vítimas. 

Além disso, está prevista para esta quarta a divulgação da sentença do principal processo criminal do caso Kiss. Respondem ao processo Elissandro Spohr e Mauro Hoffman, ex-sócios da boate; e os integrantes da banda Gurizada Fandangueira Marcelo de Jesus dos Santos Luciano Bonilha Leão. O juiz Ulysses Louzada tem quatro opções: submeter os quatro réus a júri popular; absolver os quatro; impronunciar, se acreditar que não houve crime; ou desclassificar a ação, levando o caso a ser julgado por um juiz.

O incêndio matou 242 pessoas em 27 de janeiro de 2013.

COM INFORMAÇÕES DO DIÁRIO DE SANTA MARIA
 
voltar
© Copyright 2019