Universidades no Rio Grande do Sul iniciam semana sem aulas devido a greve dos caminhoneiros

A semana iniciará sem aulas para pelo menos dez universidades do Rio Grande do Sul, em função das dificuldades de transporte consequentes da greve dos caminhoneiros. Na sexta-feira (25), algumas instituições de ensino já haviam paralisado as atividades.Confira abaixo as universidades que suspenderão as aulas e atividades.

 

Porto Alegre

 

Em Porto Alegre, a Pontifícia Universidade Católica do RS (PUCRS) informou, neste domingo (27) que as aulas presenciais da graduação, pós-graduação e cursos de extensão na segunda-feira (28) estão suspensas. As atividades administrativas serão mantidas. Na sexta-feira (25), os estudantes da PUCRS já haviam sido liberados.

A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) mantém as aulas suspensas, nos campi Porto Alegre e Litoral Norte. As demais atividades acontecem normalmente.

A Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) também paralisará as atividades e aulas.

A Unisinos, que tem campi na capital e em São Lepoldo, segue sem aulas e demais atividades acadêmicas. O expediente administrativo estará com horário reduzido até às 18h. Informações sobre normalização das atividades serão informadas nos canais oficiais da Unisinos.

E a Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS) manterá as aulas suspensas em todos os seus 24 campi. As direções regionais e as chefias de unidade ficarão de plantão pelos telefones ou na própria unidade. Na reitoria, as chefias cumprirão expediente em regime de excepcionalidade.

 

Novo Hamburgo

 

Em Novo Hamburgo, a Feevale segue com as aulas suspensas na segunda-feira (28), incluindo a escola Feevale e o Centro de Idiomas. O expediente da instituição será reduzido, encerrando-se às 18h30.

Na segunda-feira, será emitido um novo comunicado, informando a situação para os próximos dias.

 

Cruz Alta

 

Já em Cruz Alta, no Noroeste do estado, a Universidade de Cruz Alta (Unicruz) também não terá aulas, nem atividades administrativas, nos três turnos.

voltar
© Copyright 2019